quarta-feira, outubro 17, 2007

Incompetência e não só...

Estou fula!
Ao fim da tarde de hoje, após ter ido buscar a Pipa à creche, fui a um hipermercado. Tarefa que não é fácil com a Filipa pois ela não fica quieta, mas, como ía comprar pouca coisa, não deveria ser muito complicado.
Tinha, mesmo, que ir às compras hoje.
Normalmente, levo a pipa dentro do carrinho das compras, para não andar a correr atrás dela, e ela vai alternando, entre estar sentada na cadeirinha do carrinho, ou estar em pé dento do mesmo.
Correu tudo dentro da normalidade até sair do supermercado e dirigir-me para o estacionamento no piso -2.
Cheguei ao tapete rolante com as compras e a Pipa dentro do carrinho. Aí tive uma má surpresa. O carrinho estava avariado e não adiriu ao tapete rolante começando a andar. Fiquei assustada. Comecei a segurar no carrinho e a fazer força no sentido contrário para que ele não viesse a descer sozinho pelo tapete...
A minha sorte é que tinha feito poucas compras e portanto o peso era menor.
Pedi ajuda. Uma senhora ajudou-me para que eu conseguisse tirar a Pipa de dentro do carro. Estava com medo de não ter força suficiente para segurar o carro, o que teria sido muito complicado se não conseguisse fazer, mas pelo menos a Pipa estaria cá fora. Era possível que magoasse alguém ( o que seria horrível), mas pelo menos a minha querida não se magoava.
Felizmente, ninguém se magoou e tudo, até esta altura, tudo não passou de um grande susto para mim.

Fui pôr as compras ao meu carro, e voltei ao supermercado para contar aos responsáveis o sucedido, de modo evitar que mais alguém usasse o carrinho enquanto ele não fosse arranjado.
Falei com uma funcionária que me disse para deixar o carro num canto, que ela chamaria alguém para o ir buscar. Achei que não devia "abandonar" assim o carrinho pois alguém poderia levá-lo e por isso resolvi esperar pela tal pessoa. Esperei, esperei,... com a Pipa ao colo impaciente. A certa altura voltei a falar com a funcionária que me disse para falar com os colegas, que recolhem os carrinhos, e explicar-lhes a situação. Foi o que fiz...
Falei com um, que me disse que "sim" e arrumou o carrinho junto com os outros. Voltei a dizer-lhe que o carrinho não poderia ser usado, era perigoso... não me ligou nenhuma. Entretanto um cliente já ía levar esse carrinho. Disse-lhe para não o fazer....eu..."funcionária do hipermercado".
Já estava furiosa.
Voltei a falar com outro funcionário, desses que arrumam os carrinhos. O mesmo tratamento.
Passei-me, e fui pedir o livro de reclamações para fazer uma reclamação por escrito.
Depois lá me apareceu um funcionário superior, que me ouviu e que foi comigo tentar identificar o carrinho - que já não estava no sítio -como era de esperar, devido ao movimento dum hipermercado ao final do dia.
Só espero que ninguém se tenha magoado ou se venha a magoar. É que neste hipermercado, o acesso ao estacionamento, é apenas feito através dos tapetes rolantes.

Para mim, que me sentia particularmente cansada hoje, acabou por ser um final de tarde stressante. Fiquei super irritada, ao ponto de me escorrerem lágrimas pela cara abaixo. A única coisa que me acalmou foi ouvir a Pipa dizer-me : "mãe, não chora"

5 comentários:

Tia Moky disse...

Oh minha querida...como lamento que tenhas passado por este episódio escusado!

Força aí!

Beijos

Moky

P.s.:temos saudades...

Sara MM disse...

Tadinha!!!! Tadinhas!!

Incompetentes é pouco, muito pouco!!

Burros e estúpidos!!! Isso sim!


bjss
PS-passa a ir ao Intermarché. é bem mais pequeno, e não tem passadeiras nem elevadores, tudo é mais fácil! Prometi isso a mim mesma, qd da ultima vez que fui ao continente tb vi jeitos de não sair de lá!! foi horrivel! aliás, aquilo é horrivel!

eu disse...

Eu não gosto nada de levar o carrinho das compras na passadeira rolante. por vezes acontece este episódio, por outras vezes parece que fica colado ao chão e é terrivel conseguir tirá lo da passadeira! imaginem o que acontece quando temos pessoas atrás de nós....
Bjkas e espero que tudo já esteja melhor!

Diana disse...

É de uma irresponsabilidade...

Ás vezes é preciso dizermos que vamos fazer uma reclamação no livrinho, que vêm logo a correr.

Isto é uma vergonha :(

Mas já passou, não vale a pena enervares-te. Fizeste o que achaste certo, e concordo contigo, acho que se todos agissemos assim o país não estava cheio de palermas.

Bjs grandes

Paulo Pires disse...

Boa tarde,

gostaria de a convidar para aderir ao nosso directório de sites/blogs sobre a gravidez e assuntos conexos:

O convite vale para todos os que tenham um "espaço" dedicado a assuntos relacionados com a gravidez.

http://directorio-gravidez.blogspot.com/

Paulo Pires
http://planeamento-gravidez.blogspot.com/