sábado, abril 09, 2005

nada de infecção :-)

Afinal não estou com uma infecção urinária :-)) Fiquei contente pois assim a Filipinha não precisa de começar já com antibióticos :-)

Mas as contrações continuam :-( Não são muitas, mas sinto-as ao longo do dia, e noto que as sinto mais, quando não estou em repouso ou quando faço movimentos mais bruscos.
A minha médica disse-me para não me preocupar muito, pois o colo do útero continua fechado. :-) De qualquer modo convém ir vigiando. Como na 4ª feira que vem, dia 13, tenho consulta no hospital, com o médico que me está a seguir a gravidez, vou esperar para ouvir a opinião dele. Se tiver que ser, acho que tomarei alguma coisa para fazer com que elas parem. Vamos esperar para ver... até lá fico em repouso o mais tempo possível.

Ontem fui ao hospital fazer análises. A minha mãe levou-me, para eu não ter que conduzir. Aquela análise da glicose não é nada fácil...aquela hora foi bem díficil de passar :-( estava super mal disposta (também, sou uma desmiolada e esqueci-me de tomar o nausef da noite na véspera). Por falar em nausef, não sei se já vos disse mas já consegui reduzir o número de comprimidos. Agora só tomo um à noite :-) Acho que os enjoos passarão antes da Filipinha nascer :-)

Agora continuo completamente derretida com os pontapés e cambalhotas da Filipinha. Adoro!!!! Já disse isto mil vezes...mas é uma sensação maravilhosa (Quem já passou por isto deve compreender-me). Nós, as mulheres, temos muita sorte...eheh... e o Rui pensa o mesmo :-) Para ele deve fazer um pouco impressão sentir um bebé na barriga (é mesmo homem!!!)
Ando desejosa que ele a sinta, mas ainda não foi possível :-( Cada vez que ele põe a mão na minha barriga ela não mexe, ou então mexe-se de maneira que não se sente cá fora :-(

A minha mãe já teve mais sorte :-) Apesar de ainda não a ter sentido, já viu a minha barriga a mexer. foram dois pontapés que a Filipinha deu junto do meu umbigo. É tão giro...

A minha barriga é que continua a crescer...está enorme!!!! (ontem, uma senhora no hospital comentou:"o parto deve estar para breve!") Já começo a não dormir bem à noite, e ainda faltam tantos meses.... parece que não tenho posição. A meio da noite só me apetece ficar de barriga para baixo, mas não dá, por isso acabo por andar às voltas...e não durmo eu nem o Rui. :-(

Um bom fim de semana para todos!!!!!!!!!!!!!!!!!

4 comentários:

Luna disse...

OLá linda!
Ainda bem que não é infeção infelizmente elas são as companheiras das gravidas,
brigado por teres deixado um miminho no meu blog
beijocas e festinhas na barriguita
Luna

Cocas disse...

Olá Cristina,

Acho que a médica tem razão, já li que essas contrações são normais com o teu tempo de gravidez... mas compreendo que fiques apreensiva. Ainda bem que já tens consulta para a semana,vais ver a tua Filipinha??!!! :)

Que tudo continue a correr muito bem e goza muito a tua barriguinha!!

Beijoca
Cocas

Tia Moky disse...

Olá, Cristina!!

Ainda bem que não há infecções por aí!! Por aqui também não!! Fixe!!
Eu dormo bem!! Dormo com um Leãozinho de peluche encostado à barriga ou com almofadas...experimenta!! Vais ver que vão passar a dormir melhor!! A minha mana quando estava grávida dormia com 5, sim CINCO, almofadas À volta dela!! Não há nada como tentares!!!
Desejo-vos melhores noites!! A partir de agora vão ser!!

Beijos Tia Moky

Sozinha disse...

Olá Cristina!
Fico muito feliz por tudo estar a correr bem na tua gravidez. Ainda bem que não se verifica a hipótese de infecção.
Eu também ando a tentar ter um bebé... pode ser tão frustante por vezes... Só queria dizer que hoje, em que me sinto tão em baixo, ler o teu blog ajudou-me e até fiquei a saber algumas coisas que, concerteza, me vão ajudar.
A minha médica receitou-me o Duphaston para tomar a partir do 15º dia do ciclo porque eu também estou sempre a fazer abortos espontâneos. Espero que desta vez seja para valer...
Às vezes sinto-me tão triste! Eu sei que há que ser optimista e ter fé e esperança... mas eu estou a passar por tudo isto sozinha... O meu marido não sabe de nada. Estou com 30 anos e ele, como não é português, está com um pé cá e outro pé no país dele... Eu quero tanto ficar aqui, junto da minha família. Eu sei que está a ser difícil para ele por causa da língua... mas eu simplesmente sei que se for para o país dele vou ter uma vida de inferno... a irmã dele é manipuladora e teve agora um bebé que está a usar para tentar que nós vamos para lá... Eu sei bem como era a vida quando estávamos lá... tínhamos que sustentá-la e ao marido... Eu não quero isso para nós mas as coisas estão a ser tão difíceis aqui... Profissionalmente ele ganhava muito mais lá e acha que devíamos voltar mas eu não consigo sequer viver com a ideia.
Eu peço desculpa a todas mas eu precisava desabafar... Se calhar até pensam que eu não lhe devia esconder que andamos a tentar mas acreditem eu sempre quis ter um filho nesta altura e sei que ele vai adorar e aceitar bem. Só que pensei que as coisas iam ser mais fáceis... a verdade é que vivo cheia de stress: por causa do trabalho, por causa das tentativas, porque gostaria de não ter de lhe esconder, porque me sinto constantemente ameaçada com a hipótese de deixar Portugal, a minha familia e os meus amigos...
Espero que me perdoem este atrevimento mas eu precisava mesmo falar com "alguém"!
Beijinhos para a Cristina e a Filipinha - tudo de bom!!!!!